Titulo: Don’t Worry; I’m a Ghost

Titulo original: 걱정마세요, 귀신입니다

Gênero: Romance, Drama, Fantasia

Capítulos: Apenas um especial

Broadcast Network: KBS2

Ano: 2012

Cast:

Bong Tae Gyu como Lee Moon Ki

Park Shin Hye como Kim Yeon Hwa

Qualificação:

♥♥♥♥

Minha sinopse: Lee Moon Ki é um entregador, que após um acidente de carro perde completamente a memória em relação a sua vida. Após fazer um diagnóstico de amnésia, e ir atrás de saber quem é e onde mora, Moon Ki acaba por ver uma mulher na delegacia, que conhece tudo sobre sua vida. Mas eis um mistério, só ele consegue ver a mulher. E porque isso? Sim, Kim Yeon Hwa  é um fantasma que morreu após uma tentativa de assalto em seu apartamento. A história gira em torno de acontecimentos misteriosos, onde Moon Ki tenta se lembrar do que aconteceu antes do acidente e por que aquele fantasma o segue. Em busca de respostas para perguntas infinitas, Moon Ki descobre coisas surpreendentes sobre sua vida, e sobre a vida do fantasma que agora o persegue. Essa é uma história onde você não consegue conter a emoção e a curiosidade.

Annyeonghaseyo Lovers! Eu aqui mais uma vez, para trazer algo meio choroso para vocês. Sim, dessa vez não é nada que você morrerá de rir, mas algo que talvez você possa chorar. Hoje eu acabei de ver Don’t worry; I’m a ghost e simplesmente não contive as lágrimas e chorei mesmo. Motivo? Vou contar a vocês.

Antes de tudo, vou mostrar minha indignação sobre algo. Bem, sempre antes de eu começar uma resenha, eu vou atrás de inspiração, vou ver matérias sobre o drama, leio informações em outros blogs e tudo. Dessa vez, algo me deixou bem descontente. Vi muitas críticas ao ator Bong Tae Gyu pelo fato de não ser um ator com boa aparência. Pessoas dizendo que a Park merecia um par melhor parar fazer esse movie, e que por ele ser protagonista o movie não ficou legal. Eu discordo. Já vi outros papéis dele e acho que ele trabalha muito bem.  Tudo bem que ele não seja um Jang Geun Suk ~suspira~  da vida, mas não merece ser criticado por isso. Eles realmente formaram um casal bem compatível no drama, e teria sido bem legal se fosse um drama maior com uma história um pouco mais detalhada. Sou crítica demais em relação a algumas coisas e não acho que teria ficado interessante se algum outro ator impecável de beleza ficasse no lugar dele. Tirando essas pequenas coisas desagradáveis, digo a vocês que esse é um movie muito incrível, e pedir também pra vocês não julgarem um filme, ou um drama apenas pela aparência de alguém.

Deixando isso de lado, vamos à resenha. Como diz na sinopse, Moon Ki perde sua memória após um acidente de carro. (Sabe CSI Miami e esse tipo de serie onde tudo começa com um acidente? É mais ou menos assim que acontece nesse drama). Enquanto está à procura de informações sobre si, ele “conhece” uma mulher chamada Kim Yeon Hwa que por incrível que pareça conhece tudo sobre sua vida. Após retornar a sua casa, e ver tudo como se fosse à casa de um estranho, Moon Ki tenta viver sua vida normalmente, porém, eu só acho que ninguém consegue viver uma vida normal, a partir do momento que consegue ver um fantasma né? HAOSAKSHAO, ok.


A Park Shin Hye sendo linda até de fantasma *u*

Após uma noite de sono mal dormida por conta de um pesadelo, ele acorda e vê a mulher que supostamente é um fantasma, flutuando sobre si. KSHAOSKASHAOSKHAOK, ele acha que é um sonho, e rola aquela cena de “É só um sonho, quando eu acordar ela não está mais aqui”, mas novamente, não é isso que acontece:

No início, tem aquelas cenas típicas de quando uma pessoa descobre que está sendo seguida por um fantasma, ela tenta correr, tenta se esconder e fica no meio de todos dizendo para o fantasma não se aproximar, e é ai que você se mata de rir. Mas depois, ele começa a ficar curioso sobre o verdadeiro motivo para ela estar o seguindo… E a partir dai a história vai se desenrolando de forma bem comovente.

Achei eles mega fofos gente, sem comparação ):

A fantasma Kim –q, faz com que ele seja capaz de ver como ele era e o que fazia antes do acidente. Ela realmente o conhece muito bem, mas ele infelizmente não se lembrar de que tipo de relacionamento teve com ela antes que sua vida virasse esse desastre.

Enquanto os dois se divertem pela cidade –q, outro quase acidente acontece, e é nesse momento que Moon Ki é guiado por suas lembranças até o local do assassinato de Kim Yeon Hwa, ou seja, o apartamento o fantasma. Nesse momento surgem várias perguntas que precisam de uma resposta, e tais coisas atormentam mais ainda Moon Ki. Com a ajuda do fantasma ele consegue se lembrar de coisas incríveis, e no fim acaba desejando que ela nunca vá embora.

É uma história triste, alegre, cheia de momentos muito fofos que eu realmente recomendo vocês assistirem. É somente um único episódio com um pouco mais de uma hora, mas que te deixa surpreendido. Não tem um final clichê, acredite você vai desejar que terminasse de outra forma. Pois eu terminei de ver assim ó:

—————————————————————–—————————————————————–

Trailer

E é claro um MV que mostra um pouquinho mais sobre a história *u*

—————————————————————–—————————————————————–

Download

Dramas Asiáticos

Ohayo Dramas


Infelizmente não encontrei a OST pra vocês, mas deixo o download pra quem quiser ver. Depois de assistir, comente o que achou e compartilhe comigo ok? É isso minha gente, boa semana para vocês e até a próxima :*

—————————————————————–—————————————————————–

Créditos: Google Imagens | Tumblr 1 | Tumblr 2




7 × = quarenta nove

3 Comentários
  1. Eu tive uma expectativa bem grande quando esse especial saiu. Eu gostei mais por causa da qualidade técnica e pelas atuações, porque o roteiro foi bem previsível. Eu sou chata pra caramba com essa minha “habilidade” de adivinhar o final antes de acontecer, não sei se só acontece comigo.

    • Janayna disse:

      Sério que achou previsível Leandra? Eu realmente havia imaginado uma coisa completamente diferente para o final, fui surpreendida. Não pensei que seria um final assim tão tenso.

  2. […] Seus principais trabalhos foram em: Tree Of Heaven, You’re Beautiful, Heartstrings e Don’t Worry I’m a Ghost. […]