Titulo: Age of Youth

Título original: 청춘시대

Gênero: Comédia | Amizade | Romance | Drama

Broadcast network: JTBC

Capítulos: 12

Cast Principal:

Park Hye Soo como Yoo Eun Jae
Hwa Young como Kang Yi Na
Han Ye Ri como Yoon Jin Myung
Park Eun Bin como Song Ji Won
Han Seung Yeon como Jung Ye Eun

Qualificação: ♥♥♥♥♥

Sinopse: “Cinco universitárias com personalidades variadas compartilham a casa e seus segredos.”

————————————————————–—————————————————————–

Esse ano está muito mesclado! Ao mesmo tempo que temos dramas PERFEITOS, temos dramas até que beeem ruins. Normalmente é 8 ou 80. Está sendo uma surpresa pra mim a cada drama novo que decido assistir. Mas o que posso dizer com certeza é que aqueles pouco comentados, muitas vezes, são melhores do que aqueles mais vistos (ainda vou fazer um post dos dramas que menos gostei em 2016 ^^). Age of Youth é um bom (na verdade perfeito) exemplo disso. Um drama que entrou pro meu TOP3 preferidos da vida!!
Age of Youth é simplesmente FANTÁSTICO.


 

Por quais motivos?
É triste comentarem tão pouco sobre essa obra prima! Por ser simples, cômico, te fazer chorar, se apaixonar e por ser tão humano! Nesse drama vamos ver questões do dia-a-dia, dúvidas, dificuldades, temas diferentes e que muitas vezes são pouco comentados (como sexo, por exemplo), mas de uma forma leve e descontraída. Estou apaixonada por tudo o que é e o que foi Age of Youth!! Com certeza tem história para vários eps, e mesmo sendo somente 12, estamos todos ansiosos esperando por uma segunda temporada!! Esse drama, mais do que muitos por aí, merece!! <3

Mas, vou deixar de babar ovo por ele e começar logo essa resenha :v

————————————————————–—————————————————————–

BEM VINDOS À BELLE ÉPOQUE!


 

Vocês devem ter notado que a sinopse não é bem específica. Vi muitos por aí comentando que não se interessaram em assistir por conta da sinopse (é, ela não chama tanto a atenção), mas posso dizer que a simplicidade dela me cativou e – ah, claro – as fotos promocionais que são tão femininas, jovens e divertidas!! *-* Curiosa, e sem exatamente estar surtando com nenhum drama que estava vendo naquele momento, resolvi matar essa curiosidade de uma vez, antes mesmo do drama acabar de ser transmitido. Comecei, mais ou menos, no 4º ou 5º ep e acompanhei semanalmente, com muita paciência, e muito amor. Agora que acabou, o que posso dizer é: FANTÁSTICO. Cadê a segunda temporada?

Mas o que vocês precisam saber da história? (o drama é curto, então tentarei ser breve para não dar spoilers).

Há uma pensão (ou república – pra mim soa melhor), chamada Belle Époque. Nela, vivem Jung Ye Eun, Song Ji Won, Yoon Jin Myung e Kang Yi Na. No começo, acompanhamos a introdução da nova inquilina da casa: a Yoo Eun Jae. Até pensei que ela seria a personagem principal, mas depois percebi que não. Cada ep fala um pouco da história de cada uma e depois foca na amizade delas, suas dificuldades, seus defeitos, qualidades e como a amizade entre elas se torna tão forte.


 

————————————————————–—————————————————————–

Falando um pouco de cada uma:

YOO EUN JAE


A última inquilina a se mudar para casa, Eun Jae, é a primeira a ser apresentada. O primeiro ep é um dos meus favoritos, principalmente por gostar bastante da personagem. Ela é uma garota fofa, mas extremamente tímida, que fala baixo e não sabe lidar com as pessoas a sua volta. A mudança de casa, de semestre (a entrada na faculdade) faz com que ela dê de cara com as dificuldades da vida. Eu me emocionei muito e tive muita dó dela! No começo as meninas abusavam dessa personalidade calma e tímida da Eun Jae e não sabiam que isso a machucava. Eu cheguei a ficar com raiva delas, mas logo fui entendendo melhor a posição de cada uma. Eun Jae é uma das minhas favoritas, é tão fofa e meiga *-* E ela esconde um segredo que a atormenta todas as noites em forma de sonho. Sua colega de quarto é:

YOON JIN MYUNG


Se Eun Jae é tímida, Jin Myung é um tanto antissocial. Quieta, na dela, sem qualquer noção de moda; a garota é a mais dedicada da casa. Além de trabalhar em diversos empregos para pagar a faculdade e ajudar a família, ela sempre passa pelas dificuldades sozinha, sem se abrir. Sorri pouco e quase sempre parece séria. Ao fundo, você percebe depois, é uma garota carinhosa, gentil, humilde, mas que tem muitas cicatrizes. Outra que amei deeeeeemais! Sempre torcia para ela encontrar a felicidade e mudar a forma que se enxergava! Jin Myung, como Eun Jae e todas as meninas da casa, também tem um segredo e sofre muito com ele. Posso dizer que ela foi a personagem que mais me fez chorar e me emocionar, principalmente pela forma que era tratada pelo gerente do restaurante, que a trata rudemente ;-;

JUNG YE EUN

 

A patricinha da tribo! rs. É a segunda a ser apresentada e a primeira impressão que temos é a de menina mimada, que se emboneca toda, com namorado bonitão e com uma vida perfeita. Sim, foi assim várias vezes. Não trabalha, estuda nutrição, tem amigas, namorado e parece estar melhor do que todas as outras. Porém, aos poucos, vemos que seu relacionamento com o namorado é um tanto abusivo, mas ela não consegue se livrar disso. É assim que descobrimos uma Ye Eun frágil, amorosa e chorona rs. Entre todas elas, no ranking, foi a que “menos gostei” rs. Mas ao mesmo tempo amei kkk Ah, e ela é companheira de quarto da:

SONG JI WON


A mais doida piradona e bocuda do grupo rs. É impossível não morrer de rir com essa garota! Além de estudar mídias sociais (algo como Rádio e Tv aqui), ela se veste toda de uma forma única, tem cabelos curtos, fala sem parar e age de um jeito divertido e um tanto “louco”, o que faz com que os homens se afastem dela (por preferirem as mais quietas, muitas vezes). O engraçado é que a Song é doida pra ter sua primeira vez, não mede o que fala, e sempre está comentando sobre sexo e homens. Ttipo, toda hora! rs.

KANG YI NA


Kang Yi Na é a sortuda que tem um quarto só pra ela na casa rs. Mesmo sendo a mais velha, é apresentada como a “exibida” do grupo, com um corpo perfeito, elegante, sempre vestindo roupas caras – a inveja de muitas mulheres por aí rs. Ela é divertida, não pensa duas vezes antes de fazer ou falar o que quer e sempre dá apoio ao grupo, tenta defender e ajudar as meninas da forma que pode. Outra que eu amei muito ver seu desenvolvimento na história. Yi Na também tem um segredo que explica a forma em que vive: praticamente se prostituí (sim, tenso) para conseguir tudo o que quer comprar e obter. Mas dá para ver que ela mesma não está feliz com o que faz, embora queira parecer que não se importa.

————————————————————–—————————————————————–


 
 
 
 

O enredo começa quando, todas morando já na mesma casa, acabam ouvindo da Song (bêbada) seu segredo: ela vê fantasmas. Não só isso, mas que existe um fantasma no armário de sapatos da casa (que fica perto da entrada). Ao invés de levarem na brincadeira, as outras realmente acreditam naquela conversa e imaginam se isso tem algo a ver com seus segredos mais íntimos. A partir daí, além de diversão, risadas, estudos e convivência, elas também irão se deparar com os fantasmas de seus passados e terão que aprender a lidar com eles.


 

O interessante de toda a história é como elas vão enfrentando as dificuldades e como isso influencia em sua vivencia dentro da casa, como cada menina vai se tornando importante uma pra outra!  Eu amo dramas sobre amizade e surtei em DIVEEERSOS momentos com essas divas intergaláticas maravilhosas! Ri muito e chorei muito (sério mesmo)!
A forma que cuidavam uma da outra, mesmo tendo seus momentos de desentendimento, era linda! E no fim, quais seriam esses segredos?

 

————————————————————–—————————————————————–

O QUE GOSTEI:

1. Romance?! Tem??? Opa!! Tem sim!! Apesar de não ser o foco, cada uma delas tem sua vida amorosa. Começando pela Eun Jae, por ser tímida, não consegue se enturmar muito fácil, porém um sunbae da sua turma acaba se interessando por ela. Ele tenta diversas vezes se aproximar, mas Eun Jae só tem olhos para um cara estranho que ela (do nada) resolveu gostar. Mas aos poucos ela descobre que esses sentimentos eram infundados e infantis. Que, na verdade, ela estava se interessando mais e mais pelo sunbae. Não tem muito o que falar,  porque como eu disse, é um drama simples, então tudo ocorre de forma fofa e calma.

Song, no caso, tem seus problemas: ela gosta de vários. Mas nenhum gosta dela (por causa da sua personalidade espontânea demais)Já Ye Eun tem um namorado babaca que ela ama muito. Sério, ele é beeem idiota com ela e só a coitada não percebe ^^ Yi Na dorme com diversos homens para conseguir o dinheiro deles, mas não tem um romance formado.



Jin Myung também é paquerada por um sunbae gatão do trabalho (um dos chefs do restaurante que a ajuda a sobreviver naquele trabalho, onde ela é maltratada pelo gerente), mas Jin Myung também parece não olhar para ele de início. Até que ambos começam a se aproximar aos poucos e se apaixonar. É muito fofo, muito amor!!

2. A forma que lidam com assuntos diversos da vida. A roteirista mostra muito a força da mulher, os assuntos que muitas vezes são tabu na coreia, mas que no drama é comentado. Vou listar alguns exemplos:

– Mulher nenhuma precisa de homem para ser feliz (temos isso como exemplo a Ye Eun e todas as outras. Quem se apaixonou primeiro foram os garotos, e eles mostraram que precisavam mais delas do que elas deles).

– A mulher independente (que trabalha, tem seus próprios assuntos e problemas, independentes de terceiros).

– Super heroína (em nenhum momento de dificuldade foi o homem que salvou a mulher. Nesses momentos, as próprias meninas se viraram e se salvavam rs. Elas lutavam com quem fosse para proteger a umas as outras <3. Temos até outro exemplo fantáaastico: foi quando uma taxista MULHER pegou elas em um momento de desespero, levando-as rapidamente até o hospital. Neste caso SEMPRE vemos homens como taxista, essa foi uma cena bem inovadora pra mim).

3. A OST PERFEITA que eu mal conseguia parar de escutar. Sério, a OST é muito bem escolhida e você se apaixona na primeira vez que escuta. Com certeza é uma das melhores que já escutei <3 Simples, gostosas, leves e emocionantes, assim como o drama.

4. Roteiro ótimo que só melhora com o andar da trama, sem perder ritmo. Nas mãos dessa roteirista uma hora se torna alguns minutos, e um dos mais marcantes e empolgantes! Amo!

 
 
 

*aprendendo a dançar com a Song kkk*

O QUE NÃO GOSTEI

1. Ter poucos eps ^^ Poderia ter uns 200 e eu estaria feliz kkkk. Vamos encomendar uma segunda temporada JTBC? Por favor??

————————————————————–—————————————————————–

ASSISTA!

kingdom fansubs
dramafever (online)

OST

aqui

VIDEOS

————————————————————–—————————————————————–

Essa é minha resenha especial e amorzinho de hoje! Logo logo mais sairão! Além de resenhas, posts especiais! Fiquem de olho ;)

 




+ 3 = dez

7 Comentários
  1. juliana disse:

    perfeito *—*

  2. Lidia disse:

    Eu não dava nem 10 centavos por esse drama, mas logo no primeiro episodio me apaixonei totalmente. É simplesmente incrível como eles abordam temas tão pesados como assédio, prostituição, morte e relacionamento abusivo e ao mesmo tempo mantendo o humor. É uma pena que a sinopse desse drama seja tão pouco atrativa porque ele merecia destaque. Já estou com saudades.

  3. Mariah disse:

    Estava procurando mais pessoas que tivesse se apaixonado por esse drama,pela pouca popularidade dele.Encontrei essa resenha diva que concordo com quase tudo.O drama é lindo, simples, sensível e fora dos padrões coreanos.Encantada ainda!!!

  4. Vanessa disse:

    Melhor drama que já assisti/o drama do ano, sério meu drama favorito até agora, abordaram temas que em todos os dramas que já assisti nunca foram abordados de forma aprofundada, sou suspeita de fala pois amo qualquer coisa que tenha amizade feminina incluída, mas esse drama é simplesmente incrível.

  5. Raelly disse:

    Não vou negar, shippei muito a Yina com a Yeeun

  6. Tainá disse:

    Ah, esse é um dos poucos doramas que já assisti, mas desde o início estou amando <3 Simplesmente incrível o enredo, desenvolvido, envolvimento dos personagens, o ost lindo e alguns dos couples são maravilhosos (MEUS DEUSES YOON, TAMBÉM QUERO UM ROMANCE ASSIM!!). Meu dorama favorito sem dúvidas.

  7. Dennisy disse:

    Assisti esse drama na Netflix, quando vi a imagem, pensei que seria um programa de variedades, maaas me surpreendi positivamente! Fiquei muito vidrada nele, e vi em seguida, planejo revê-lo em breve. Adorei, principalmente pelas estórias saírem do padrão de perfeição que vemos na maior parte do drama, onde as coisas dão certo.. ou que os personagens tem forças para seguir suas decisões. Amei sua resenha também! Bjs